Marcão Gomes faz primeiro discurso na Câmara dos Deputados
04/02/2020 | 09h35
Marcão Gomes na Câmara dos Deputados
Marcão Gomes na Câmara dos Deputados / Divulgação
Em seu primeiro pronunciamento na Câmara dos Deputados, em Brasília, durante a primeira sessão ordinária do ano, nesta terça-feira (4), o deputado federal Marcão Gomes (PL) deixou claro que a área da Saúde será uma das suas prioridades. Ele relatou as dificuldades que o município de Campos vem enfrentando para atender à população em razão da redução de receitas e solicitou ao governo federal aumento de recursos dos pisos da atenção básica e de média e alta complexidade.
— Campos dispõe de dois hospitais, 73 unidas básicas de saúde e sete UPHs, que além de atenderem à população de Campos, também prestam serviços à toda região Norte/Noroeste Fluminense, somando cerca de um milhão de habitantes. O prefeito Rafael Diniz vem sofrendo muito com a redução de receitas. E Campos acaba sendo a ‘capital’ do interior do Estado do Rio de Janeiro. Por isso, estamos solicitando apoio do governo federal para obtermos mais recursos para a área da Saúde”, afirmou.
Outra pauta apresentada por Marcão diz respeito ao heliporto de Farol de São Tomé, que pode deixar de operar. “A Prefeitura de Campos já está trabalhando para a Petrobras continuar operando no município, pois ela gera cerca de 600 empregos diretos e o contrato está vencido. É muito econômico para a Petrobras manter o heliporto em Farol e nós vamos fazer essa solicitação ao ministro Bento Albuquerque (de Minas e Energia)”, informou o deputado.
Reunião da Saúde
Outra agenda do deputado em Brasília, ontem, aconteceu no Gabinete da Secretaria de Atenção Especializada à Saúde do Ministério da Saúde, na Esplanada dos Ministérios, com a participação do secretário da secretaria, Francisco de Assis Figueiredo, além de outros representantes do órgão, do prefeito Rafael Diniz e o secretário municipal de Saúde Abdu Neme. 
 
Fonte: Assessoria de imprensa
Comentar
Compartilhe
Sobre o autor

Aldir Sales

[email protected]